Prefeituras da Baixada estimulam geração de empregos

486

Em Duque de Caxias, prefeito criou legislação que reserva vagas para quem é da cidade. Nilópolis dá isenção de alvará

Prefeito de Caxias, Alexandre Cardoso, assinou lei em frente à Reduc -
Foto:  Divulgação

Para estimular a economia local e gerar empregos, em Duque de Caxias as empresas que se instalarem no município terão que reservar pelo menos 70% das vagas para moradores da cidade, 15% serão para mulheres.A lei foi assinada pelo prefeito Alexandre Cardoso, no dia 26 de agosto.

O anúncio animou moradores da cidade.“Fui demitido porque chegava atrasado,além de ser longe, ainda tem o engarrafamento, agora quero um emprego por aqui mesmo”, disse Fernando Santos, morador de Jardim Leal.

Em Nilópolis, o prefeito Alessandro Calazans enviou, no dia 28 de agosto, uma mensagem de projeto de lei ao poder legislativo municipal,sugerindo a implantação de isenção da taxa de alvará. O objetivo é incentivar Microempresas e Empresas de Pequeno Porte.Se for aprovada, a partir de 1º de janeiro de 2016, cerca de 3 mil Microempresas e Empresas de Pequeno Porte, terão isenção permanente. O sapateiro Luiz Henrique de Paula, já pensa em fazer melhorias na loja. “Fiquei sabendo desta proposta e se ela for aprovada, vou fazer umas mudanças aqui na loja”, revelou.

Décio Lima, coordenador regional da Baixada I do Sebrae, disse que a isenção de alvará é um avanço porque as empresas economizam entre 800 e mil reais.”É um incentivo à instalação de novas empresas,abrir um negócio em Nilópolis passa a ser vantajoso”, afirmou o consultor.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui