7 curiosidades sobre os seios que homens e mulheres precisam saber

720
Os seios são comumente vistos como símbolos da sexualidade feminina, têm tamanhos diferentes e podem virar motivo de tortura na TPM (tensão pré-menstrual).

Portanto, se você é mulher e já se incomodou com algo em relação a eles, fique tranquila, pois não está sozinha. De acordo com os especialistas entrevistados, os órgãos podem interferir na autoestima e no bem-estar. A seguir respostas para algumas curiosidades a respeito deles.

1 – Eles têm tamanhos diferentes

As mamas são órgãos bastante vascularizados e, na maioria das vezes, a esquerda é maior do que a direita. Isso acontece porque do lado esquerdo do peito está o coração, que exige ainda mais vascularização. Em alguns casos, quando a assimetria é muito grande, recomenda-se cirurgia plástica para correção.

2 – São sensíveis

A sensibilidade se modifica de acordo com o ciclo menstrual. Após a metade do período, a elevação da taxa do hormônio progesterona provoca retenção de água e sal no corpo. Esse inchaço desenvolve uma hipersensibilidade, que pode provocar desconforto, ardência ou queimação. Porém, só passam por essa fase as mulheres que são geneticamente sensíveis à ação do hormônio. Nesse momento do mês, o sexo pode ser motivo de dor, e o companheiro precisa ter cuidado e compreender.

3 – Eles caem mesmo

O principal motivo é a idade. Após a menopausa, as glândulas mamárias atrofiam por falta de hormônio e se tornam “recipientes de gordura”. Porém, existem fatores físicos que podem influenciar a ocorrência de uma queda mais acentuada ou menos, como o tamanho dos seios. Mulheres magras e altas têm o tecido conjuntivo, responsável pelo suporte estrutural, mais frouxo do que aquelas que são baixas e mais pesadas. E, atenção, pois o efeito de emagrecer e engordar com frequência pode antecipar o processo, que tem o nome de ptose. Para retardá-lo, os especialistas recomendam o uso de sutiãs adequados –peças que dão suporte para que o peso dos seios não fique sobre a pele do tórax e, sim, sobre as alças.

4 – Mexem com a autoestima

Os seios são comumente vistos como símbolo da sexualidade feminina, segundo os especialistas entrevistados. Eles comparam a sua importância à do pênis para o homem. Por estar tão ligado à identidade da mulher, é que tantas procuram remodelá-los com implante de silicone ou redução. Também por isso a reconstrução das mamas é um procedimento coberto pelo SUS (Sistema Único de Saúde) como parte do tratamento do câncer de mama. A lei, que foi sancionada pela presidente Dilma em 2013, entende que a cirurgia reparadora faz parte do processo de cura.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.