Via Transolímpica será aberta nesta sexta-feira para carros, com pedágio a R$ 5,90

0
226

A prefeitura bateu o martelo e definiu em R$ 5,90 o valor do pedágio da Via Transolímpica, que começa a receber carros a partir da zero hora desta sexta-feira.

O valor é o mesmo cobrado atualmente pela Linha Amarela. O Diário Ofical do município desta quinta-feira traz a resolução da Secretaria municipal de Transporte definindo a tarifa básica. A Concessionária Via Rio, que reivindicava uma cobrança entre R$ 6,50 e R$ 6,60, informou que vai cumprir a determinação.

A nova via expressa, que desde sua inauguração funcionou exclusivamente para veículos da família olímpica, agora será aberta ao público em geral. Há restrição de tráfego apenas para cargas perigosas e para veículos que tenham mais de 4,5 metros de altura. As tarifas de pedágio seguem a mesma tabela dos valores praticados na Linha Amarela (confira na tabela).

Tarifas do pedágio
Tarifas do pedágio Foto: Divulgação/Lamsa

Mesmo o valor tendo ficado abaixo do reivindicado pela Via Rio, a tarifa será uma das mais caras praticadas no Brasil, como mostra estudo do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), segundo o qual média do país é de R$ 0,10 por quilômetro. A média da Transolímpica será de R$ 0,23 por quilômetro, considerando a tarifa básica de R$ 5,90.

A concessionária, a mesma que administra a Linha Amarela, alegava que a tarifa da Transolímpica não podia ser a mesma desta via, porque o valor não havia sido reajustado, já que o contrato com a Lamsa havia sido revisto.

A Via Transolímpica tem 26 quilômetros de extensão entre o Recreio e Deodoro, metade com a cobrança de pedágio nos dois sentidos. Os outros 13 quilômetros incluem o trecho da Avenida Salvador Allende entre a Avenida das Américas e a Estrada dos Bandeirantes. Durante a Olimpíada, a via recebeu apenas os carros da família olímpica. Mas, durante a Paralimpiada não deverá ter restrições de circulação. A via tem capacidade para receber 55 mil veículos, por dia.

DEIXE UMA RESPOSTA