Lutador mesquitense de 9 anos é bronze nos EUA

0
228
Com apenas nove anos, Kaíque Oliveira acaba de conquistar medalha de bronze no Panamericano de Jiu Jitsu, realizado em Long Beach, na Califórnia (EUA), no último dia 14.

Apesar da pouca idade, o jovem campeão tem mais de 200 medalhas e ocupa a primeira colocação do ranking nacional na categoria leve, faixa amarela.

Até a consquista do bronze, o atleta mesquitense, da equipe Nova União, enfrentou três fortes adversários e precisou suar o quimono.

Kaíque, que treina no projeto Alvo da Luta e na academia Nova União, era o único brasileiro na categoria peso leve, faixa amarela, na competição. O que poderia ser um obstáculo, contudo, acabou se tornando motivação. Sem nenhum patrocínio, o atleta teve que passar três rifas para conseguir juntar dinheiro para pagar os custos das passagens aéreas e estadia na Califórnia, Estados Unidos.

“O Kaíque veio treinar com a gente há três meses para melhorar sua rotina no esporte. Nós temos uma parceria com a academia Nova União, comandada pelo mestre André Bastos, e tivemos que passar três rifas para que ele pudesse custear as passagens para os Estados Unidos.”

Só de ir para outro país representar o Brasil, me deixa muito orgulhoso. Fico feliz por fazer parte da história do Kaíque. Essa medalha é a prova do trabalho duro que nós fazemos no Alvo da Luta”, afirmou o faixa preta Jordan Almeida.

Confiança é a palavra que define Kaíque Oliveira. Jovem e sem saber direito a proporção do que foi competir fora do país, o pequeno “casca grossa” (gíria para lutadores duros no Jiu-Jitsu), sabe das dificuldades que passou para chegar no nível que está.

Estou muito feliz. Só tenho que agradecer a minha família, André Bastos e ao mestre Jordan de Almeida, que me acolheu, ajudou na preparação e me ajudou rifas. Nunca pensei que um dia representaria meu país e voltaria com uma medalha para casa. Vou treinar mais para um dia, quem sabe, voltar com a medalha de ouro no peito”, disse Kaíque.

Para participar do Projeto Esportivo Social Alvo da Luta é preciso ter a partir de quatro anos e estar matriculado em escola da rede pública ou privada. As aulas acontecem às 2ª, 4ª e 6ª, de 19h00 às 22h00, na Rua Mercúrio 85, Centro, Mesquita.


Fonte: Conecta Baixada

 

DEIXE UMA RESPOSTA