Horário de verão termina neste domingo, à 00h (21 de fevereiro)

À meia-noite do dia 21 os relógios devem voltar ao horário original, sendo atrasados em uma hora

0
602
Preparem os relógios. Faltam uma semanas para o fim do horário de verão no país. Às 0h do dia 21 de fevereiro (domingo) os relógios devem ser atrasados em uma hora.

brasil-horario-de-verao
Em 18 de outubro de 2015 os relógios foram adiantados em 1 hora, agora, dia 21/02, deverão ser atrasados em 1 hora

Moradores dos estados das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e do Distrito Federal precisam estar atentos à alteração, que iniciou às 0h do domingo 18 de outubro de 2015, quando os relógios foram então adiantados.

As regras estão estipuladas no decreto 6.558, de 2008, que fixa a duração da media do horário de verão em quatro meses.
O principal objetivo do horário de verão é aproveitar melhor a luminosidade natural do dia, reduzindo o consumo de eletricidade no fim da tarde, quando é registrada a maior demanda por energia. A ideia de adiantar a hora oficial em períodos de verão foi lançada em 1784 por Benjamim Franklin, político e inventor americano. O primeiro país a adotar oficialmente o horário de verão foi a Alemanha, em 1916, durante a Primeira Guerra Mundial, para economizar os gastos com carvão.
  • No Brasil, o primeiro horário de verão foi realizado entre 1931 e 1932, pelo presidente Getúlio Vargas, com duração de 5 meses. A prática vem sendo adotada sem interrupções desde 1985, com algumas diferenças nos estados que aderem à mudança e os períodos de duração.
O Ministério de Minas e Energia estimou que a redução da demanda de energia entre 18h e 21h chegue até 1.970 megawatts (MW) no subsistema Sudeste/Centro-Oeste. O valor é equivalente ao dobro da demanda da cidade de Brasília. No subsistema Sul, segundo o ministério, a redução pode chegar a 625 MW.

DEIXE UMA RESPOSTA