Copa Celebrai é realizada em Belford Roxo visando o Estadual de Karatê

0
330
No último sábado, aconteceu a Copa Celebrai, no bairro da Prata, em Belford Roxo. O evento contou com lutadores de várias idades e categorias. A competição é organizada pela Associação de Karatê Interestilo, coordenada pelo Sensei Rodrigo Oliveira em parceria com outros mestres de lutas da região.

A Associação, que é registrada na Federação Carioca de karatê Interestilo, é a maior do Estado do Rio de Janeiro com mais de três mil alunos matriculados. A competições organizadas pelo projeto acontecem há quatro anos e contam pontos para o Campeonato Estadual da modalidade.

Agora, em 2016, o nosso campeonato foi reconhecido pela Federação Carioca de Karatê Interestilo. E quem quiser participar do Campeonato Estadual da Federação, em dezembro, tem que se classificar através dos nossos campeonatos. Outras associações e projetos também promovem competições, porém somente os nossos campeonatos contam pontos para o Estadual”, conta o Sensei Rodrigo Oliveira.

Karatê-54

Foto: Michael Pereira/MMA4Ever

A Associação Equilíbrio começou como um projeto social dentro da Igreja Assembleia de Deus Celebrai com as crianças da própria igreja. Logo depois, Rodrigo ofereceu o projeto nas escolas e a partir daí a ideia começou a crescer e foi se espalhando até chegar ao patamar onde se encontra hoje.

Uma vez que a gente ofereceu nas escolas, começou em dezembro de 2010, cresceu muito e em janeiro de 2012 não deu mais para segurar como projeto, nós registramos como empresa, a Associação Equilíbrio de Karatê Interestilo, e se tornou uma associação. Porque em 2012, nós já tínhamos mil e quinhentos alunos.

Além do reconhecimento da Federação, o Sensei faz questão de enfatizar o lado educativo e social do projeto. Ele afirma que para ser aprovado na passagem de faixa o aluno tem que fazer muito mais do que lutar bem.

Karatê-53

Foto: Michael Pereira/MMA4Ever

Quando nós entramos numa escola, é importante frisar isso, embora eu esteja falando de competições, em nenhum momento, desde que nós começamos, pensamos em competição. O nosso objetivo é educar e trabalhar o caráter das crianças. Eu não deixo ser aprovado para uma faixa preta quem não tem caráter, quem não honra com os compromissos, mas a coisa cresceu de tal forma e em consequência do bom trabalho técnico que nós realizamos, as competições foram surgindo. Mas mesmo assim quando nós entramos em uma escola, a nossa visão é socioeducativa”, finaliza o Sensei.

Karatê-65

Foto: Michael Pereira/MMA4Ever

DEIXE UMA RESPOSTA