Abertas as inscrições para o Prêmio Sebrae Mulher de Negócios 2017

Iniciativa premia empreendedoras que compartilham suas histórias de sucesso. Baixada Fluminense teve bom desempenho, nas últimas edições.

0
19

A trajetória inspiradora de uma mulher bem sucedida no mundo dos negócios pode ajudar muitas outras, na busca pela autonomia e realização pessoal, além de promover suas famílias e comunidades, gerando emprego, renda e desenvolvimento econômico e social.

Foi desta percepção que surgiu o Prêmio Sebrae Mulher de Negócios, que busca identificar, selecionar e premiar os relatos de vida de mulheres empreendedoras de todo o país que transformaram seus sonhos em realidade. Na edição de 2016, a Baixada Fluminense obteve destaque na etapa estadual da premiação: dentre 936 inscritas, a agricultora familiar e doceira Juliana de Medeiros Diniz, a popular Dona Juju da Cozinha Colher de Pau, de Magé, ficou em segundo lugar na categoria Empreendedor Individual; e a oftalmologista Kátia Mello, do Centro da Saúde Ocular Dra. Katia Mello, de Duque de Caxias, foi a segunda colocada na categoria Pequenos Negócios.

O prêmio é uma parceria entre o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), a Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM) e a Federação das Associações de Mulheres de Negócios e Profissionais do Brasil (BPW) e tem apoio técnico da Fundação Nacional da Qualidade (FNQ). É dividido em três categorias: Pequenos Negócios, para microempresas e empresas de pequeno porte; Produtor Rural, para mulheres que exploram atividades agrícolas, pecuárias e/ou pesqueiras, incluindo a transformação destes produtos em geleias, doces, conservas, farinhas, etc., e a de Microempreendedor Individual, que inclui as mulheres que trabalham por conta própria em um empreendimento legalizado com faturamento máximo anual de até R$ 60.000,00 por ano.

Dona Juju, da Cozinha Colher de Pau, de Magé, entre o diretor Evandro Peçanha (à esquerda) e o Diretor-Superintendente do Sebrae/RJ, Cesar Vasquez, na premiação da etapa estadual, em 2016.

O prêmio é composto por 2 (duas) etapas: estadual e nacional. Cada estado escolhe até três empreendedoras que concorrem à premiação nacional. As vencedoras da etapa estadual viajam à Brasília para concorrer à etapa nacional e recebem troféu e placa de reconhecimento, certificado de premiação, direito ao uso do selo de vencedora e um curso da Matriz de Soluções Educacionais e/ou 16 (dezesseis) horas técnicas de consultoria em gestão. As vencedoras da etapa nacional, que são escolhidas para receber os troféus de ouro, prata e bronze em cada categoria, recebem o selo de vencedora nacional.

As inscrições são gratuitas e terminam no dia 31 de março. Para se inscrever, basta acessar o site http://www.mulherdenegocios.sebrae.com.br, onde também estão disponíveis os regulamentos e formulários.

Também é possível obter informações e esclarecimentos nos escritórios regionais do Sebrae/RJ, na região.

DEIXE UMA RESPOSTA